segunda-feira, 26 de junho de 2017

IV Abrindo Corações

A Pastoral da Pessoa com Deficiência, da Paróquia Sagrado Coração de Jesus, dos Ingleses, em Florianópolis, promove o IV Abrindo Corações, no dia 07 de julho.

Tem como objetivo, congregar todas as pessoas que possuem deficiência e seus familiares para uma tarde de espiritualidade e de congraçamento.
O evento é gratuito e inicia às 14h, na Igreja Santa Rita, localidade de Travessão, na Capital.
Informações para contato: Diácono Roberto: (48) 9-9618-7962

quarta-feira, 10 de maio de 2017

FESTIVAL DA FAMÍLIA


A Comissão Arquidiocesana para a Vida e Família promove no dia 21 maio, o V Festival da Família. Um evento que reúne a família e tem como objetivo celebrar o Dia Internacional das Famílias. Na edição do ano anterior, na Beira Mar Continental, no Estreito, em Florianópolis, compareceram aproximadamente duas mil pessoas.
Neste ano será na Beira Mar de São José, e a previsão de público da comissão organizadora é ainda maior, principalmente, pois conta com a participação de famílias inteiras, como tem se constatado a cada edição do evento.
O 5º Festival da Família tem início às 09h, com a acolhida aos participantes. A missa será às 10h, presidida pelo Arcebispo Dom Wilson Tadeu Jönck, concelebrada por vários sacerdotes e com a participação dos diáconos.
  O piquenique começa às 12h. Todos os participantes estão convidados a saborear um carreteiro, preparado pelos membros do Movimento de Irmãos. O almoço custará R$ 15,00. Também haverá no local barracas com a venda de refrigerantes, lanches, doces e petiscos em geral.
 A partir das 12h30 ocorrem apresentações musicais, com talentos de Santa Catarina. Também serão oferecidas atividades recreativas para as crianças e atividades paralelas, dos diversos grupos pertencentes ao setor Vida e Família da Arquidiocese.
Serviço 
V Festival da Família
09h – Acolhida na Beira Mar de São José e preparação para a missa
10h – Missa presidida por Dom Wilson e concelebrada por vários sacerdotes e com a participação dos diáconos
12h – Piquenique na praça
12h30 – Início das apresentações culturais
17h30 – Encerramento

terça-feira, 9 de maio de 2017

TERÇO - MES DE MAIO

DURANTE O MES DE MAIO, REZAREMOS O TERÇO TODAS AS SEGUNDAS-FEIRAS, NO HORÁRIO DAS 19H30.

PARTICIPE DO TERÇO EM HOMENAGEM AOS 300 ANOS DE DEVOÇÃO A NOSSA SENHORA APARECIDA E 100 ANOS DA APARIÇÃO DA NOSSA SENHORA EM FÁTIMA AOS TRES PASTORINHOS.



Ordenação Diaconal - Paulo Stippe e José Torquato

O Dia Mundial de Oração pelas Vocações, 07 de maio, José Silvano Torquato e Paulo Stippe Schmitt foram ordenados diáconos na Paróquia São João Evangelista, em Biguaçu, durante Missa presidida pelo Arcebispo de Florianópolis, Dom Wilson Tadeu Jönck, scj.





A igreja ficou lotada, onde caravanas de diversas comunidades estiveram presentes na celebração. O povo demonstrava um grande carinho pelos dois jovens a cada cumprimento oferecido. Além disso, padres e diáconos da Arquidiocese também participaram da celebração.

O rito de ordenação teve início logo após a leitura do Evangelho. José e Paulo foram chamados e o reitor do seminário de teologia da Arquidiocese, Pe. Vânio da Silva, pediu oficialmente ao bispo o Sacramento da Ordem aos dois presentes. Após acolher o pedido, Dom Wilson deu início a homilia.

O Arcebispo ressaltou que o diaconato é “estar em vista daquilo que Cristo veio realizar no mundo”, e que eles são “colocados para auxiliar os padres e bispos no trabalho de evangelizar as comunidades”.

Depois da homilia, foi dada sequência ao rito de ordenação, com momentos de oração, imposição de mãos do Arcebispo, imposição da estola diaconal e revestimento da dalmática, e entrega do evangeliário.


O lema escolhido pelos seminaristas foi – “Servos do senhor, bendizei o senhor” (Dn 3,85). Paulo falou que a missão do diácono é “estar a serviço do povo de Deus” e que o sacramento tem a importância de “formar para o serviço da palavra, liturgia e caridade”.


O Arcebispo pediu que todos diariamente rezem pelas vocações e disse que “José e Paulo vão trazer a novidade que Cristo trouxe, para que possa se fazer boa notícia para todos”.

Paulo Stippe atua na Paróquia São João Evangelista, em Biguaçu, e José Torquato, na Paróquia Divino Espírito Santo, em Camboriú

quinta-feira, 23 de março de 2017

PROGRAMAÇÃO PAROQUIAL DA SEMANA SANTA 2017


  MISSA NO DOMINGO DE RAMOS 
  SERÁ EM SANTO ANTONIO DE LISBOA,
  ÀS 9H30MIN
  NESTE DIA NÃO HAVERÁ MISSA EM CACUPÉ.






terça-feira, 21 de março de 2017

CAMPANHA DA FRATERNIDADE 2017

Ampliando e motivando uma tomada de conscientização sobre as ações direcionadas ao meio ambiente, a CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil) traz a reflexão sobre os biomas brasileiros (Amazônia, Caatinga, Cerrado, Mata Atlântica, Pampa e Pantanal) na Campanha da Fraternidade desse ano.
saiba mais sitehttp://www.a12.com/noticias/detalhes/campanha-da-fraternidade-2017-tem-o-desafio-de-despertar-as-pessoas-para-uma-consciencia-coletiva

Tema e lema da Campanha da Fraternidade 2017
Tema: “Fraternidade: biomas brasileiros e defesa da vida”
          Lema “Cultivar e guardar a criação” (Gn 2.15).



sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

FESTA NOSSA SENHORA DOS NAVEGANTES

Durante os dias de tríduo (dias 01,02 e 03 de fevereiro às 20h),  a a venerável imagem de Nossa Senhora dos Navegantes será descida do altar e colocada no andor com o Barco, para que todos tenham acesso. 



Nestes dias, a Capela estará aberta das 19h30min às 21h e no domingo das 8h30 às 15h30min.


DOMINGO DIA 05/02 SERÁ A GRANDE FESTA!


ÀS 9H00 A  IMAGEM DE NOSSA SENHORA SAIRÁ DA IGREJA EM DIREÇÃO À PRAIA PARA A PROCISSÃO MARÍTIMA E NO RETORNO A MISSA CAMPAL, POR VOLTA DAS 11H.
ALMOÇO NO SALÃO SOCIAL A PARTIR DAS 11H30MIN- CHURRASCO, SALADAS, ARROZ E SOBREMESAS DELICIOSAS.
TODOS DEVOTOS SÃO CONVIDADOS A PARTICIPAR


terça-feira, 3 de janeiro de 2017

ANO NACIONAL MARIANO


Ano Nacional Mariano 
O Ano Nacional Mariano foi proclamado pela CNBB, em comemoração aos 300 anos do encontro da imagem de Nossa Senhora da Conceição Aparecida, nas Águas do Rio Paraíba do Sul.
A iniciativa será celebrada a partir do dia 12 de outubro até o dia 11 de outubro de 2017.
Em carta enviada aos bispos de todo o Brasil, a presidência da CNBB considera a celebração dos 300 anos “uma grande ação de graças” e recorda que todas as dioceses do país se preparam, desde 2014, recebendo a visita da imagem peregrina de Nossa Senhora, que percorre cidades e periferias.  Confira, abaixo, a mensagem na íntegra: 
Mensagem à Igreja Católica no Brasil
A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil – CNBB, em comemoração aos 300 anos do encontro da Imagem de Nossa Senhora da Conceição Aparecida, nas águas do rio Paraíba do Sul, instituiu o Ano Nacional Mariano, a iniciar-se aos 12 de outubro de 2016, concluindo-se aos 11 de outubro de 2017, para celebrar, fazer memória e agradecer.
Como no episódio da pesca milagrosa narrada pelos Evangelhos, também os nossos pescadores passaram pela experiência do insucesso. Mas, também eles, perseverando em seu trabalho, receberam um dom muito maior do que poderiam esperar: “Deus ofereceu ao Brasil a sua própria Mãe”. Tendo acolhido o sinal que Deus lhes tinha dado, os pescadores tornam-se missionários, partilhando com os vizinhos a graça recebida. Trata-se de uma lição sobre a missão da Igreja no mundo: “O resultado do trabalho pastoral não se assenta na riqueza dos recursos, mas na criatividade do amor” (Papa Francisco).
A celebração dos 300 anos é uma grande ação de graças. Todas as dioceses do Brasil, desde 2014, se preparam, recebendo a visita da imagem peregrina de Nossa Senhora Aparecida, que percorre cidades e periferias, lembrando aos pobres e abandonados que eles são os prediletos do coração misericordioso de Deus.
O Ano Mariano vai, certamente, fazer crescer ainda mais o fervor desta devoção e da alegria em fazer tudo o que Ele disser (cf. Jo 2,5).
Todas as famílias e comunidades são convidadas a participar intensamente desse Ano Mariano.
A companhia e a proteção maternal de Nossa Senhora Aparecida nos ajude a progredir como discípulas e discípulos, missionárias e missionários de Cristo!
Dom Sergio da Rocha
Arcebispo de Brasília-DF
Presidente da CNBB

ENCONTRO DE TERNO DE REIS

Na sexta-feira, 06 de janeiro, às 18h30, na Catedral Metropolitana, ocorre apresentação de Terno de Reis, em comemoração a chegada dos primeiros 360 casais açorianos à  Vila de Nossa Senhora do Desterro, e na Ilha de Santa Catarina.
Eles chegaram na madrugada do dia 06 de janeiro de 1748. O navio (caravela) ficou ancorado na Baía Sul, onde passaram a noite cantando Ternos de Reis. Desceram, definitivamente em terra no dia 22 de janeiro. Foram alojados nos antigos casarões situados na Rua dos Ilhéus. Depois, alguns casais seguiram para o Ribeirão da Ilha, outros para Canasvieiras e Lagoa da Conceição. A maioria permaneceu na Vila do Desterro, que precisava ser repovoada.
A Rua dos Ilhéus leva esse nome para lembrar que seus moradores, na maioria, vieram do Arquipélago dos Açores.
Divulguem, convidem seus amigos e amigas. Vamos encher a Catedral como no Natal.